Notícias

8 de agosto de 2020

Informática para a PCDF

O que você precisa saber para ter sucesso na prova?

Caros concursandos que estão sonhando em ser policias civis, seguindo nossas dicas para o concurso da PCDF, vamos falar da prova de informática. Segundo nosso professor Renato Mafra, a disciplina é essencial para quem quer alcançar uma vaga neste certame. O edital está extenso e a avaliação deve trazer entre 15 e 20 questões sobre o tema.

• Preparatório de Informática para PCDF

Primeiros passos

Vamos lá, o primeiro passo é organizar um cronograma de estudos que contemple todos os tópicos e esses 90 dias são suficientes para isso. O conteúdo é extenso e precisa ser vencido ponto por ponto, sem deixar nada de fora. A organização e a disciplina para evoluir com o estudo fará toda a diferença.

Mas, como nossos especialistas têm repetido, isso vai depender do foco de cada um. Os estudos precisam ser diários, com pausas para descansar o corpo e a mente, mas sem nenhuma distração desnecessária.

Se liga nas dicas!

Dedicação aos estudos do 1º tópico do edital.

Nosso professor é categórico em afirmar, a chave do sucesso começa com o entendimento e aprendizado do tópico número 1 do edital, pois isso vai garantir a base para a compreensão de todo o restante do conteúdo. É necessário dar uma atenção especial para a parte de segurança e protocolo de rede.

“Como o edital vai do básico ao avançado, os alunos precisam construir uma estrutura de conceitos na parte “base”, com noções de hardware e software e sistemas operacionais. Depois focar no que a banca mais pode cobrar: protocolos de internet, conceitos de intranet, nuvens, segurança da informação, sem se esquecer das principais nomenclaturas e conceitos de redes, inteligência artificial, análise de dados e banco de dados. O CESPE/CEBRASPE não é uma banca que faz a cobrança de muitas teclas de atalhos, então o foco fica para o conceito e funcionamento das principais ferramentas”, explica nosso especialista.

• Preparatório de Informática para PCDF

Particularidades da banca CESPE/CEBRASPE.

Diversidade é a palavra que define o CESPE/CEBRASPE na cobrança da Informática. E como é comum, a banca deve cobrar toda a matéria que está no edital.

“O aluno precisa olhar o edital, que é um ótimo guia de estudo. Quanto mais detalhes a banca acaba trazendo, maior o direcionamento dentro de cada tópico. A banca costuma abordar temas inovadores, como Big Data e Análise de Dados. É importante, também, ficar por dentro dos termos usados na área de tecnologia. Então, leia notícias sobre novas tecnologias e se familiarize com os assuntos”, relata.

Para quem já estava estudando, qual o próximo passo?

“Reorganizar a forma que o edital foi entregue, pois nem sempre a banca faz uma apresentação organizada do documento. Aí muitos acabam divagando no estudo e perdendo muito tempo. Portanto, invista nessa análise e organização”, explica.

“Se você tem alguma dificuldade em encontrar termos novos no edital, entenda que as outras pessoas também encontrarão a mesma dificuldade. Não entre em pânico e consolide o estudo revisando o que você tem mais facilidade. Após esta revisão, invista o seu tempo para o “novo”, afinal se você focar no “novo” agora, chegará sem energia no que acredita que já domina, o que pode levar a perdas na revisão dos principais pontos”, finaliza ele.

Veja também:


2020 - IMP Concursos - Todos os direitos reservados.