Notícias

31 de outubro de 2014

Planejamento autoriza 278 vagas de Auditor-Fiscal da Receita Federal

Foi autorizado ontem (18/2/2014),  por meio da portaria nº. 51, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), o concurso para provimento de278 vagas de Auditor-Fiscalda Receita Federal do Brasil. Das vagas, 28 são para a Superintendência Nacional de Previdência Complementar. Com a autorização, a Receita Federal tem o prazo de seis meses, a contar da data de ontem, para publicar o edital de abertura do concurso.

De acordo com a portaria, o provimento das vagas deve observar a declaração do respectivo ordenador de despesas sobre a adequação orçamentária e financeira da nova despesa à Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes Orçamentárias.

Para o professor de Direito Empresarial do IMP Concursos, Carlos Jacques, têm vantagem os candidatos com dupla graduação em Direito, com foco em Tributário e ciências exatas ou ciências humanas aplicadas como Contabilidade, Economia e Administração. “Além disso, por ser uma carreira muito tradicional, os candidatos podem basear seus estudos no último edital com segurança, pois muito pouco deve mudar”, garante. Sobre a Escola Fazendária (ESAF) banca responsável pelos concursos do Ministério da Fazenda, o professor dá a dica: “Na parte de Direito, a ESAF cobra muito jurisprudência, então vale a pena estar atento a isso”, afirma.

Confira o peso das disciplinas no edital d


2020 - IMP Concursos - Todos os direitos reservados.