Notícias

18 de julho de 2018

Ex- aluna IMP garante aprovação como Analista em três concursos

Continuação da série Aprovados mostra a trajetória de volta aos estudos após sete anos da 1ª aprovação

Lígia - site

Desta vez, contaremos uma história repleta de força de vontade e muita determinação. Apresentamos a musicista Lígia Nogueira, de 27 anos. Atualmente, ela é servidora da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal (SEEDF), órgão que representa sua primeira aprovação em um concurso público e onde atua, há sete anos, como professora da Escola de Música de Brasília (EMB).

Lígia sempre foi feliz onde trabalha. Mas, há algum tempo, decidiu alçar voos mais altos e dar uma sacodida na carreira. Em 2015, enquanto conversava com alguns amigos, percebeu que voltar a estudar para concurso era uma ótima ideia. Por isso, resolveu dedicar-se com afinco à nova preparação.

Foi em 2016 que escolheu iniciar um curso preparatório que pudesse lhe oferecer a base necessária para alcançar sua meta. À época, optou pela Turma Platinum do IMP Concursos. “Foi a decisão perfeita para adquirir o conhecimento que precisava sobre todas as matérias comuns cobradas nos principais concursos da carreira administrativa. Esse momento representou o primeiro passo em direção ao meu sonho”, explica.

Ela conta que, durante o período de preparação, passou por muitos altos e baixos. “Tiveram instantes em que quase desisti, mas sempre pensava nos motivos que me fizeram começar. Assim, sempre conseguia dar um gás a mais nos estudos e proporcionar a motivação que precisava a cada dia.”

Foi em 2017 que Lígia começou a ver os resultados do intensivão de estudos. Tão logo colheu o primeiro fruto, os demais vieram alguns meses depois. “Minha primeira aprovação foi no TRF 5ª Região [Tribunal Regional Federal] de Aracaju, onde passei para técnico e analista. Em seguida, veio a surpresa do STM [Superior Tribunal Militar] e STJ [Superior Tribunal de Justiça], que também passei como analista”, relembra emocionada.

Agora, após ter alcançado muito além do que sonhou, a ex-aluna esclarece que a preparação do IMP foi essencial na sua trajetória. “Com a Platinum, conheci a fundo cada matéria, com o acompanhamento de professores dedicados, acesso a materiais online que me davam a liberdade de estudar quando pudesse. Ainda pude estudar o conteúdo específico do STJ com a turma Global do concurso”, diz a servidora.

Passado o tempo de renúncias, Lígia ressalta que o estudo não deve ser visto como um sofrimento e, sim, como uma porta para novos mundos. “A formula é a persistência. Não espere passar em poucos meses. O estudo é um processo individual, mas é por meio dele que a aprovação vem. Acredite em você e não permita alguém lhe dizer quanto tempo deve durar sua preparação”, conclui.

Confira os principais trechos da entrevista em vídeo:


2018 - IMP concursos - Todos os direitos reservados.